Bovespa opera em queda nesta quarta-feira

Bovespa opera em queda nesta quarta-feira

Bovespa opera em queda nesta quarta-feira


Na terça-feira (14), o Ibovespa avançou 0,26%, aos 117.632 pontos. Ibovespa é o principal índice da B3, a bolsa brasileira
Amanda Perobelli/Reuters
O principal índice da bolsa de valores brasileira, a B3, opera em queda nesta quarta-feira (15), com o mercado de olho nas negociações de comércio entre EUA e China e dados do varejo brasileiros.
Às 10h08 , o Ibovespa recuava 0,45%, a 117.099 pontos. Veja mais cotações.
Nesta quarta-feira (15), o Ibovespa subiu 0,26%, a 117.632 pontos. Na máxima da sessão chegou a 117.705 pontos e, na mínima, foi a 116.609 pontos. No acumulado do mês, a bolsa já subiu 1,72%.
No cenário interno, investidores acompanham as vendas do comércio varejista, que cresceram 0,6% em novembro, na comparação com outubro, segundo dados divulgados nesta quarta-feira (15) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Trata-se da 7ª alta mensal consecutiva do setor.
No acumulado no ano, o avanço chega a 1,7%. Em 12 meses, no entanto, a alta acumulada passou de 1,8% em outubro para 1,6% em novembro, o que sinaliza “perda de ritmo nas vendas”, segundo o IBGE.
Já no exterior, o assunto do dia é a assinatura do acordo inicial de comércio entre Estados Unidos e China, que pode aliviar as tensões entre os dois países que se perduram desde o início de 2018.
Guerra comercial: Entenda as tensões entre EUA e China.
O presidente norte-americano, Donald Trump, e o vice-premiê chinês, Liu He, devem assinar, em evento na Casa Branca, um acordo para aumentar as compras chinesas de produtos manufaturados, agrícolas, energia e serviços dos EUA, destaca a Reuters.
O ponto central do acordo é uma promessa da China de comprar mais US$ 200 bilhões em produtos dos EUA ao longo de dois anos para reduzir o déficit comercial bilateral dos EUA que chegou a US$ 420 bilhões de dólares em 2018.

Referência